ATLÉTICO DE ECOPORANGA PODE SER UM DOS CLUBES INSCRITOS NO 1° CAMPEONATO RURAL DE FUTEBOL AMADOR DO ESPÍRITO SANTO

UMA ÓTIMA HORA PARA A VOLTA DO ATLÉTICO DE ECOPORANGA, CAMPEÃO DA COPA NORTE DE FUTEBOL 2017, COMPETIÇÃO QUE VALORIZA OS ATLETAS DE CADA CIDADE.

A partir desta quinta-feira (18), estarão abertas as inscrições para a 1º Campeonato Rural de Futebol Amador do Espírito Santo. O prazo segue até o dia 31 deste mês. Todos os 74 municípios do Estado, com exceção de Vitória, Vila Velha, Serra e Cariacica (os quatro mais populosos do Espírito Santo e com menor densidade de área rural), poderão participar, formando as seleções que irão representá-los.

Para se inscrever, a secretaria municipal interessada deve enviar um ofício com a solicitação de inscrição para o e-mail campeonatorural@sesport.es.gov.br e manifestar o interesse. As dúvidas também podem ser tiradas através dos telefone 3636-7003 e 3636-7004. Não serão aceitos jogadores profissionais e todos os atletas devem ser maiores de 18 anos.

O torneio, que terá início no dia 03 de março, será disputado em sistema “mata-mata”, com confrontos regionais de ida e volta. Somente a decisão de terceiro lugar e a finalíssima é que serão em partidas únicas, previstas para o dia 16 de junho, no Estádio Estadual Kleber Andrade.

O secretário de Estado de Esportes e Lazer, Roberto Carneiro, convida os municípios aptos a participarem dessa grande festa.

“O futebol amador é muito querido em todos os cantos do nosso interior, por isso, tenho certeza que teremos uma grande adesão de participantes, proporcionando uma competição emocionante e de ótimo nível técnico. O Governo do Estado, em sua gestão eficiente e transparente, está cuidando das contas e das pessoas. E, assim, quer proporcionar diversão e qualidade de vida para toda a população capixaba”, disse Carneiro

Assessoria de Comunicação da Sesport

Evandro Figueiredo

Rodolfo Mageste

(27) 3636-7027

(27) 99901-9914

assessoria.sesport@gmail.com

www.sesport.es.gov.br

Facebook: Sesport-ES

Instagram: @sesportes

Texto: Rodolfo Mageste

COMPARTILHAR